Todos os serviços da empresa podem ser terceirizados?

A terceirização de serviços ficou bastante comum nos últimos tempos. Afinal, isso contribui para a otimização dos recursos financeiros e também de tempo. Mas será que todos os serviços de uma empresa podem ser terceirizados?

Essa é dúvida é bastante comum, pois a princípio poderia terceirizar apenas atividades como porteiro, segurança, faxineira e copeira. Ou seja, as chamadas “atividades-meio”. Mas, com a nova Lei 13.429 de 2017, pode-se terceirizar também as atividades-fim.

Continue com a leitura e descubra se todos os serviços podem ser terceirizados:

 

Atividades-meio e atividades-fim: qual a diferença?

Antes da nova lei da terceirização, poderia contratar os serviços apenas para as atividades-fim. Ou seja, todas aquelas que não estejam ligadas diretamente com o negócio da empresa.

As atividades-meio são aquelas que não tem nenhum tipo de influência direta com as operacionalidades do negócio, mas também são importantes para o funcionamento da empresa. Como é o caso do porteiro, secretária, limpeza e segurança.

Já a atividade-fim, é aquela que está ligada diretamente ao negócio, ou seja, a forma da empresa lucrar. Por exemplo, em um escritório de advocacia, a atividade-fim é do advogado. Em um escritório de contabilidade, é o contador.

Desde 2017, qualquer atividade pode ser terceirizada, em qualquer setor, seja ela atividade-meio ou fim. Mas, há uma única exceção: As atividades de vigilância e transporte de valores não podem ser terceirizadas. Neste caso é obrigatória a contratação CLT (Consolidação das Leis do Trabalho).

Apesar das alterações na lei, ainda é necessário distinguir as diferenças e ter alguns cuidados na contratação de qualquer serviço terceirizado.

 

Cuidados na terceirização

É possível trabalhar com a terceirização de mão de obra em qualquer segmento. Contudo, há regras que precisam ser seguidas.

Uma das características da terceirização é o trabalho temporário. Logo, um profissional poderá atuar em várias empresas, seja do mesmo segmento ou não. A contratação também é feita através de pessoa jurídica, ou seja, o contratado precisa ter CNPJ. Inclusive, pode até mesmo ser MEI (Micro Empreendedor Individual).

Alguns cuidados garantem um bom serviço e, consequentemente, evitam dores de cabeça no futuro. Apesar da possibilidade de terceirizar trabalhadores para qualquer atividade, atente-se às regras abaixo.

 

  • Não pode haver fraude na contratação;
  • Trabalhador terceirizado não pode ser exclusivo (ou seja, ele pode/deve trabalhar para outras empresas);
  • Precisa se enquadrar como trabalho temporário;
  • A contratação deve ser feita através de pessoa jurídica especializada;
  • É necessário cumprir as normas de segurança e saúde do trabalho (previstas na legislação).

 

A mão de obra terceirizada pode ser contratada direto com o profissional, ou através de empresas que oferecem esse tipo de serviço. A grande vantagem de usar as empresas, é que você economiza muito tempo, principalmente na escolha do profissional.

Inclusive, existem empresas de terceirização que oferecem profissionais de atividades-meio e fim. Basta contatá-los e falar sobre suas necessidades. Neste casos, você pagará para a empresa responsável e, essa empresa é quem irá pagar os trabalhadores. É importante que a empresa faça esse repasse corretamente, bem como garanta os direitos dos trabalhadores.

 

Vale a pena a terceirização de serviços?

A terceirização vale a pena por vários motivos. O principal deles é a otimização dos custos. Ao contratar através da terceirização, você não tem os custos que teria ao contratar um funcionário. Logo, as despesas diminuem consideravelmente.

Há ainda outras vantagens que tornam essa opção bastante atrativa. Além da economia, também possibilita redução de desperdícios, principalmente das atividades-meio.

A terceirização gera maior produtividade e aumento da qualidade da mão de obra, bem como maior desenvolvimento profissional.

Outra vantagem é que a contratação é feita pela empresa responsável pela terceirização, como a Via Serviços.

Por exemplo, se você tem um negócio e pretende terceirizar os serviços ao invés de contratar funcionário, procure por uma empresa de terceirização. Você informará o tipo de profissional que deseja e ela enviará a equipe pronta para trabalhar.

 

Vantagens da terceirização

Para reforçar, veja as vantagens de terceirizar profissionais para atividade-meio e também para atividade-fim:

 

  • Diminuição com os custos de contratação CLT;
  • Mão de obra especializada e focada naquela atividade;
  • Foco maior da empresa na área de atuação;
  • Aumento do foco de trabalho;
  • Mais agilidade;
  • Otimização do tempo.

Posts Relacionados

Thumbnail Post

O que são facilities e quais os benefícios desses serviços?

Apesar de ser um termo novo, o serviço de facilities tem ganhado cada vez mais espaço no mercado. É um tipo de serviço que vem auxiliando empresas, acarretando no seu crescimento e sucesso pelo fato de permitir que todas as atenções estejam voltadas aos principais objetivos da companhia. Mas afinal, o que é facilities? Bom, […]

Leia mais
Thumbnail Post

O que é o processo de terceirização?

O processo de terceirização é amplamente utilizado pelas empresas atualmente, seja as de pequeno, médio ou grande porte. Não sabe do que se trata? Sem problemas: a seguir, explicamos o que é o processo de terceirização. Confira!   Processo de terceirização: o que é? Terceirizar significa delegar a uma empresa uma atividade específica. É o […]

Leia mais
Thumbnail Post

6 dicas para reduzir custos operacionais durante a pandemia

A pandemia de Covid-19 reduziu expressivamente o faturamento da maioria das empresas, levando a uma necessidade de corte de custos operacionais para conseguir permanecer funcionando. Mas, afinal, como reduzir custos operacionais durante a pandemia sem prejudicar o bom andamento da empresa? A seguir, damos dicas eficientes para implementar essa estratégia. Acompanhe e conheça!   O […]

Leia mais