Dicas para higienizar halls e elevadores de condomínios

As áreas comuns do condomínio precisam de atenção especial quanto a sua higienização nesta pandemia. A importância da higienização agora vai bem além de ter apenas um ambiente limpo e agradável para oferecer aos moradores, envolve também o cuidado com a vida e saúde de cada um que mora ou trabalha ali.

Devido a intensa circulação de pessoas, tanto o hall quanto os elevadores, são a porta de entrada para quem chega e sai do imóvel. Por isso, é importante mantê-los sempre limpos para evitar a contaminação. Porém, um dos grandes desafios de quem administra esses locais é conseguir realizar a limpeza de forma eficiente e nos horários certos.

Se você está tendo essas dificuldades atualmente, separamos algumas dicas para higienização de ambientes coletivos para te ajudar.

 

Como fazer a limpeza das áreas comuns do condomínio

Para a correta limpeza desses locais, a administração deve montar um cronograma de atividades e seguir todos os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a completa desinfecção dos ambientes.

Fora isso, escolha sempre horários de melhor circulação de moradores para realizar a limpeza completa desses locais. O ideal é sempre no período da tarde, entre às 14h e às 16h, em que normalmente os moradores estão trabalhando.

Hall e elevadores precisam ser limpos diariamente com produtos específicos, principalmente álcool 70%. Sabe-se que o coronavírus pode permanecer vivo por até 9 dias nessas superfícies, então é vital que a desinfecção adequada seja feita até mesmo mais de uma vez ao dia.

 

Leia Mais:

>> Higienização correta para sua empresa

>> 3 dicas importantes para limpeza neste momento de pandemia

 

1) Crie uma rotina de limpeza para ser seguida

A rotina de limpeza determina quais áreas serão limpas e com qual frequência no condomínio. Como a higienização dos espaços comuns deve ser diária, estabeleça a frequência necessária e o que deve ser limpo a cada hora do dia. Determine também:

  • As escalas e horários de trabalho da equipe;
  • Os horários de menor movimentação no condomínio;
  • Quais locais devem ser limpos diariamente, semanal, quinzenal e mensalmente.

 

2) Elabore um checklist do que deve ser higienizado

Faça um checklist para que sua equipe se lembre de todos os itens que devem ser limpos. Os cuidados com a higienização desses ambiente precisa ser redobrada, pois é por meio deles que todos os moradores e visitantes têm acesso ao condomínio. Botões, paredes e espelhos precisam ser desinfetados para evitar qualquer tipo de problema.

 

3) Contrate profissionais especializados

É comum que condomínios optem pela terceirização dos serviços de limpeza e essa escolha faz toda a diferença para manter os ambientes de uso coletivo limpos e desinfetados. Empresas que atuam neste segmento possuem profissionais treinados e que conhecem todos os protocolos de limpeza, o que facilita muito a rotina de limpeza do hall e elevadores.

A Via Facilities possui experiência e profissionais capacitados para realizar os cuidados com a higienização do seu condomínio. Entre em contato e conheça esta opção que vem para trazer mais saúde, segurança e higiene para o seu imóvel.

Higienização correta para a sua empresa

A higienização das empresas, principalmente do setor industrial, é de extrema importância. Com a pandemia causada pelo novo coronavírus, ela se tornou ainda mais necessária para evitar a disseminação da doença e contaminação dos colaboradores.

Dessa forma, é imprescindível que você fique atento a este setor dentro da sua empresa e tenha alguns cuidados ao fazer uma limpeza dentro do local de trabalho. Estudos já mostraram que o Covid-19 consegue ficar vivo em superfícies como metal, vidro e plástico por até 9 dias. Por isso, a desinfecção completa dos ambientes de uso comum e demais setores é imprescindível para manter a saúde de todos.

Mas como fazer a higienização correta da sua empresa? Abaixo listamos 5 pontos de atenção para que sua equipe de higienização possa seguir.

 

Como fazer a higienização correta de ambientes

 

1) Mantenha o ambiente livre de resíduos em geral

A rotina de uma indústria, principalmente na linha de produção, envolve o consumo de diversos insumos e, consequentemente, há a produção de vários resíduos sólidos e líquidos. Por isso, é fundamental ter uma política de descarte de lixo para que o ambiente não fique sujo e desagradável.

O gestor de limpeza precisa estar atento e tomar cuidado para situações como esta não aconteçam. Avalie quais são os tipos de resíduos gerados pela sua empresa e trace estratégias para que seja feito o descarte correto das mesmas, de modo que também não afete o meio ambiente.

No caso de resíduos orgânicos, separe um local próprio para descarte para evitar a proliferação de microrganismos e mau cheiro.

 

2) Limpe depósitos, corredores, banheiros regularmente

Outro cuidado importante envolve manter a limpeza de depósitos, corredores e banheiros em dia. Por serem locais onde há muita circulação de pessoas, o profissional de limpeza precisa manter uma rotina de desinfecção para evitar qualquer possibilidade de contaminação. No caso dos depósitos, é preciso trabalhar para que tudo seja armazenado com cuidado e em seu devido lugar, pois ele precisa estar em condições para armazenar os insumos utilizados em sua empesa.

Os banheiros são outra área crítica das empresas. Dependendo do número de funcionários e visitantes que utilizam este ambiente, é necessário realizar a limpeza várias vezes ao dia. Portanto, o ideal é mapear o uso e observar a demanda de higienização necessária. Designe uma equipe de higienização profissional para esta função e observe se os cronogramas estão sendo obedecidos.

 

3) Mantenha os custos com limpeza controlados

Parece óbvio que sempre que um ambiente está sujo, ele precisa ser limpo. Porém, a preocupação com os custos relacionados a isso acabam fazendo com que em momentos de crise, as empresas cortem gastos com isso. Mas isso é um erro grave.

O problema é que em momentos como este, é importante redobrar os cuidados e investir em uma equipe de limpeza especializada. Manter os ambientes sem a higienização adequada compromete a produtividade da equipe, já que trabalhar em um ambiente sujo e desorganizado afeta a saúde e a motivação do grupo.

Adote estratégias que sejam eficientes e ao mesmo tempo econômicas para poder cumprir com os cronogramas de limpeza estabelecidos.

 

4) Escolha equipamentos adequados para cada tipo de limpeza

Os profissionais de limpeza precisam de equipamentos adequados para realizarem a limpeza dos ambientes da sua empresa de forma eficiente. Com tantos ambientes a serem higienizados, o investimento é necessário, mas podem surgir dúvidas de quais produtos adquirir, afinal, em tempo de crise é preciso investir com inteligência.

Dessa forma, sempre escolha equipamentos que agilizem o processo de limpeza diário e simplifiquem o trabalho da equipe.

 

Leia Mais:

>> 3 itens importantes que não podem faltar na higienização de ambientes

>> Covid-19 e a importância de ambientes higienizados

 

5) Cuide com a segurança na hora da limpeza

Os serviços de limpeza empresarial são relativamente simples; no entanto é fundamental também ficar atento em relação a segurança do pessoal para evitar situações que possam colocar os funcionários em risco.

A limpeza das janelas internas requerem atenção especial, ainda mais se estiverem localizadas em prédios altos. Via de regra, esses riscos são minimizados com o treinamento do pessoal. É muito importante que a sua equipe domine as normas de segurança e entenda o protocolo a ser seguido em cada procedimento. Isso irá assegurar não só a qualidade da limpeza como também a integridade física das pessoas.

O fato é que nem sempre os custos para ter uma equipe própria de limpeza são viáveis para as empresas. Por isso, a terceirização de serviços de higienização se torna uma alternativa com excelente custo-benefício. A Via Serviços trabalha com essa modalidade de serviços e possui profissionais de limpeza treinados e que dominam as normas de segurança para atender a sua empresa. Entre em contato e conheça mais sobre esta possibilidade.

3 itens importantes que não podem faltar na higienização de ambientes

A pandemia mudou completamente a forma como nos relacionamos com a higienização de ambientes, principalmente porque ela também é muito importante para evitar a propagação do vírus e o contágio do coronavírus. Com relação a limpeza de ambientes corporativos, um escritório limpo e organizado permite que seus colaboradores estejam seguros e garante o bem-estar de todos.

Normalmente, os produtos de limpeza para escritório são os mesmos utilizados em imóveis residenciais. Por isso, na hora de fazer a lista de compras é importante levar em consideração fatores como: tipo de piso, quantidade de pessoas no local, trânsito interno, metragem do imóvel e a frequência da limpeza.

Empresas pequenas conseguem manter com mais facilidade a higienização correta dos ambientes por mais tempo, porém com a pandemia é importante limpar tudo com mais frequência. Mesmo empresas grandes, precisam agora manter a limpeza dos ambientes diariamente para evitar qualquer tipo de contaminação.

 

Como comprar itens para higienização da sua empresa

No momento de comprar os itens de higienização é importante ter em mente o que precisa ser limpo e desinfetado e observe a frequência de uso de cada unidade. Por exemplo, uma embalagem de água sanitária de 2 litros tem duração de aproximadamente 10 dias quando diluída em água conforme orientação do fabricante.

É importante ressaltar que não é necessário exagerar na dosagem, pois a quantidade descrita no rótulo é suficiente para a correta higienização e limpeza dos ambientes. Alguns itens que não podem faltar para uma boa higienização, além do uso de máscara, luvas e sapatos apropriados, são:

 

1) Limpador Multiuso

 

Este é um produto coringa na hora da limpeza, pois pode ser utilizado em qualquer superfície lavável. Normalmente, o fabricante não indica seu uso apenas em móveis de madeira e materiais porosos.

 

2) Álcool 70%

O álcool é um excelente desinfetante e pode ser usado em vidros, espelhos, pias, metais e eletrodomésticos, com exceção de materiais emborrachados. Sua aplicação deve ser feita diretamente na superfície ou com um pano úmido. Para exterminar vírus e bactérias, deixe agir por pelo menos 10 minutos.

 

3) Água Sanitária

Este é um produto que possui propriedades germicidas e pode ser utilizada na limpeza pesada, principalmente, quando se deseja esterilizar ambientes. A água sanitária também é um produto alvejante e útil para clarear pisos, tecidos, rejuntes e azulejos brancos. Pode ser aplicada pura ou diluída em água, conforme o local que precisa ser higienizado.

 

Leia Mais:

>> 3 dicas importantes de limpeza neste momento de pandemia

>> Por que fazer a sanitização de ambientes coletivos?

 

Dicas Importantes

  • Tenha cuidado os misturar produtos de limpeza, pois algumas combinações podem ser perigosas. Um bom exemplo disso é a mistura de água sanitária e desinfetante. O hipoclorito de sódio da água sanitária quando misturada com a amônia do desinfetante formam a cloramina, que é uma substância que pode causar alergias e queimaduras.
  • Oriente sua equipe de profissionais de limpeza em relação ao uso corretos dos produtos.

 

Se a sua empresa não tem um setor de limpeza especializado e treinado para limpar e desinfetar os ambientes, a Via Serviços pode ser uma ótima solução para auxiliar este setor. A terceirização de higienização de ambiente conta com profissionais treinados e capacitados para realizar a higienização correta de todos os locais da sua empresa. Conheça mais sobre este serviço e solicite seu orçamento.